Evento do PT é marcado por invasão de um eleitor de Bolsonaro durante discurso de Lula

“Vai voltar para a cena do crime, Alckmin?”, disse o homem, em direção ao pré-candidato a vice-presidente.

Nesta terça-feira, 21, um homem invadiu um evento do PT, em São Paulo. O invasor gritou na direção de Geraldo Alckmin (PSB), pré-candidato para vice-presidente do país.

O homem foi identificado como Caíque Mafra, que se declara apoiador do atual presidente da república, Jair Bolsonaro (PL). Mafra ainda não deu atualizações sobre o motivo do ato. Caíque Mafra é pré-candidato a deputado estadual pelo partido Republicanos em São Paulo.

Caíque foi na direção da mesa onde estavam os dirigentes do evento. O ex-presidente Lula estava discursando no momento, mas não chegou a parar sua fala.

“Vai voltar para a cena do crime, Alckmin?”, disse Mafra, em direção ao pré-candidato a vice-presidente.

Além do acontecido, o evento também foi marcado com falas de Eduardo Suplicy (PT) que afirmou que não foi convidado e teve sua proposta sobre a renda básica de cidadania ignorada pelo partido de Lula.

Agora RN

Postar um comentário

0 Comentários