Anatel apreende R$ 800 mil em celulares irregulares no Rio de Janeiro


Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) divulgou nesta segunda-feira (21) os resultados da segunda fase da Operação “Depois da Folia”, ocorrida no último dia 10 na cidade do Rio de Janeiro (RJ). Desta vez, 343 celulares irregulares foram apreendidos pelo órgão.

Realizada em parceria com a Receita Federal, a ação conjunta de fiscalização tinha como alvo a venda de smartphones não homologados na capital fluminense. Trata-se de uma das primeiras atividades do Plano de Ação de Combate à Pirataria (PACP) da agência reguladora em 2022.

De acordo com o órgão, os celulares importados apreendidos no Rio de Janeiro trazem indícios de falsificação. Para identificar as irregularidades, são levados em conta critérios como a certificação e a homologação da Anatel, informações que indicam se o telefone apresenta os requisitos mínimos de qualidade e segurança exigidos pela legislação brasileira.

Comentários

Postagens mais visitadas