Após desembarcar no RN, Bolsonaro encontra manifestantes em Caicó

Publicado: 20:46:00 - 08/02/2022Atualizado: 20:47:23 - 08/02/2022
O presidente Jair Bolsonaro desembarcou em Caicó, no Seridó potiguar, nesta terça-feira (08) por volta das 16h30, junto a alguns de seus ministros, entre eles Rogério Marinho, da pasta de Desenvolvimento Regional (MDR). No começo da noite desta terça, a comissão foi vista entrando em uma praça de alimentação do município, cercada de manifestantes.
Após dormir no 1º Batalhão de Engenharia da Construção (1º BEC), o presidente tem uma longa pauta nesta quarta-feira (09) no Rio Grande do Norte. Bolsonaro tem a previsão de fazer vistoria da Barragem de Oiticica, receber a transposição das águas do rio São Francisco e assinar uma ordem de serviço para mais uma etapa de obra de pavimentação na cidade de Jucurutu, que vai interligar a sede do município ao distrito de Serra de João do Vale.

A visita do presidente da República ao Estado vem em um momento de clima tenso. Nesta segunda-feira (07), um caicoense foi interpelado pela Polícia Federal após publicar ameaças a Bolsonaro nas redes sociais. Bismarck Victor Diniz sugeriu o envenenamento da comida do presidente e teve que prestar esclarecimentos sobre uma postagem que viralizou e chegou à PF. Além disso, nesta terça-feira (08) Bolsonaro voltou a usar expressões consideradas preconceituosas para se referir a nordestinos. Chamou a população de estereótipos como "cabra da preste", "pau de arara", "arataca" e "cabeçudo".

Veja vídeo de recepção de Bolsonaro em Caicó:


Comentários

Postagens mais visitadas