Ex-capelão da Polícia Militar morre com suspeita de Covid-19 em Natal


A Polícia Militar e a Arquidiocese de Natal comunicaram o falecimento do major Capelão PM da Reserva Remunerada Antonio Cassiano da Silva, nesta segunda-feira (24), em Natal. O homem – de 77 anos – estava internado desde o dia 21 de dezembro de 2021, na Casa de Saúde São Lucas, onde tratava problemas cardiorrespiratórios, comorbidades e a suspeita de Covid-19. A suspeita de acometimento pela doença estava em investigação há 15 dias, mas ainda não foi confirmada.

O Padre Antônio Cassiano nasceu em 10 de maio de 1945, no município de Timbaúba (PE) e foi ordenado sacerdote em 01 de fevereiro de 1975, em Natal. Foi pároco da Paróquia de Santana, em Santana do Matos, nos primeiros anos da vida sacerdotal. De maio de 1982 a agosto de 2020 foi pároco da Paróquia de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, nas Quintas, zona oeste de Natal, quando se tornou emérito. Entre 1984 e 2006, também desempenhou a função de capelão da Polícia Militar do Rio Grande do Norte.

“A Polícia Militar lamenta a morte deste honrado profissional de segurança pública, externando aos amigos, companheiros de trabalho e familiares, os nossos sentimentos de mais profundo pesar”, disse a PM em Nota.

A Arquidiocese de Natal também prestou solidariedade aos familiares e amigos por meio de nota. “Padre Cassiano foi chamado para a casa do Pai, onde contemplará, eternamente, a face de Deus a quem muito amou e serviu ao longo de sua vida e exercício ministerial. Aos seus familiares, ex-paroquianos, irmãos no sacerdócio e a todos os seus amigos, desejamos a paz, a esperança e a consolação que vêm do Senhor”, disse o comunicado.

Velório e sepultamento

O corpo chegará às 18h, desta segunda-feira, à Igreja Matriz de Jesus Bom Pastor, no bairro do Bom Pastor, em Natal, onde será celebrada missa. Às 20h, será trasladado para a Igreja Matriz de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, nas Quintas, onde haverá missa, às 21h30. A Igreja permanecerá aberta durante toda a noite para que os fiéis possam se despedir do Padre Cassiano. Nesta terça-feira, às 10h, será celebrada a missa exequial, presidida pelo Arcebispo Dom Jaime Vieira Rocha. Após as exéquias, o corpo será conduzido para o sepultamento, no Cemitério Público de Nova Descoberta.

Desencontro de informações

Anteriormente, havia sido divulgada a morte cerebral do padre, porém, a informação foi desmentida pela Polícia Militar por meio de nota. “Neste momento, a Corporação informa que o Maj RR Cassiano ainda encontra-se internado, em estado grave, com alguns sinais cerebrais ainda existentes, além da comprovação do funcionamento de seus órgãos vitais, e que, amanhã (22/01), às 13 horas, será realizada uma nova avaliação médica acerca do seu estado clínico, como protocolo médico oficial”, disse o comunicado veiculado nas redes sociais da PM no dia 22 de janeiro.

Comentários

Postagens mais visitadas