Policial penal é autuado por tentativa de homicídio após ocorrência em bar em Ponta Negra.

O servidor foi autuado na Primeira Delegacia de Plantão da Polícia Civil por tentativa de homicídio, ameaça e constrangimento ilegal. A arma foi apreendida.

A Secretaria da Administração Penitenciária (SEAP), ao tomar ciência da prisão em flagrante delito de um policial penal, por volta das 3h da madrugada desta quinta-feira 9, após ocorrência em um bar, no bairro de Ponta Negra, determinou a imediata instauração de Processo Administrativo Disciplinar por parte da Corregedoria, além da suspensão da cautela institucional da arma de fogo concedida ao agente público.

O servidor foi autuado na Primeira Delegacia de Plantão da Polícia Civil por tentativa de homicídio, ameaça e constrangimento ilegal. A arma foi apreendida.

A apuração disciplinar em âmbito administrativo ocorrerá em paralelo à apuração dos fatos na esfera criminal, resguardado o devido processo legal, com direito ao contraditório e ampla defesa.

Segundo relatado no procedimento da Polícia Civil, foram realizados disparos de arma de fogo dentro do estabelecimento, sem registro de vítimas. O policial penal foi encaminhado para audiência de custódia e encontra-se à disposição da Justiça.

A SEAP ressalta que são deveres do policial manter a conduta pública e privada compatível com a dignidade da função. A instituição lamenta o ocorrido e não compactua com qualquer tipo de desvio de conduta de seus integrantes.

Comentários

Postagens mais visitadas