Mulher mata filho, joga corpo no rio, procura delegacia para registrar desaparecimento e acaba presa

A mulher chegou a procurar uma delegacia para registrar o desaparecimento do menino de 7 anos, mas acabou confessando o crime.
Uma mulher de 26 anos foi presa em flagrante nesta sexta-feira 30 suspeita de matar o filho de 7 anos e jogar o corpo em um rio no município de Imbé, litoral do Rio Grande do Sul. A Polícia Civil informou que a mulher chegou a procurar a delegacia para registrar o desaparecimento da criança, mas acabou confessando que dopou o menino e jogou o corpo no Rio Tramandaí. A polícia investiga se a companheira da mulher teve participação no crime. Segundo o portal UOL, o Corpo de Bombeiros iniciou as buscas pelo corpo do menino na quinta-feira 29 e recebeu reforço de uma aeronave da Polícia Civil nesta sexta. A mulher teria usado uma mochila de rodinhas para transportar o corpo do menino até o rio. O objeto já foi apreendido. Além disso, a Polícia Civil ouviu vizinhos e policiais militares. Antônio Carlos Ractz Júnior, delegado responsável pelo caso, requisitou ao Poder Judiciário a conversão da prisão em flagrante para prisão preventiva da mãe da criança. A mulher deve ser indiciada por homicídio qualificado (meio cruel e impossibilidade de defesa da vítima) com majorante (praticado contra uma pessoa menor de 14 anos) e agravante (cometido contra descendente), além de ocultação de cadáver e resistência.

Comentários

Postagens mais visitadas