Header Ads Widget


 

Comandante da PM é afastado após convocar manifestação contra o STF


Coronel Aleksander Lacerda, que chefia o comando da PM no interior de SP, publicou ainda posts atacando "inimigos" de Bolsonaro e imagem de Alexandre de Moraes, do STF, como Hitler

Agnaldo Pereira/Câmara Municipal de Sorocaba

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), afastou o comandante da Polícia Militar e chefe do Comando de Policiamento do Interior-7, coronel Aleksander Lacerda, por ato de indisciplina. A informação foi divulgada nesta segunda-feira (23/8) e é do jornalista Lauro Jardim, do jornal Estado de S.Paulo.

A decisão ocorre após o servidor publicar, em suas redes sociais, mensagens de convocação para a manifestação bolsonarista que ocorrerá no dia 7 de setembro.

Lacerda publicou mensagem com ameaças ao STF no dia 20 de agosto. A postagem dizia que “nenhum liberal de talco no bumbum” consegue “derrubar a hegemonia esquerdista no Brasil”. “Precisamos de um tanque, não de um carrinho de sorvete”. 

Postar um comentário

0 Comentários