Lázaro Barbosa: Serial killer baiano mobiliza 200 policiais em busca de 6 dias no DF.

O rastro de crueldade do serial killer baiano Lázaro Barbosa Sousa segue causando perplexidade. Quarta vítima do assassino no caso da chacina de Ceilândia em Brasília, a empresária Cleonice Marques foi torturada, mutilada e possivelmente estuprada.
No dia 9 de junho, Lázaro matou Cláudio Vidal, 48, marido de Cleonice, e os dois filhos do casal, Gustavo Marques Vidal, 21, e Carlos Eduardo Marques Vidal, 15. A mulher foi encontrada morta três dias depois, no sábado (12). O corpo estava em um córrego próximo a Sol Nascente, também no Distrito Federal.
O cadáver estava sem roupa e com diversos cortes profundos nas pernas, coxas e nádegas, causados por um objeto como um facão. Mais de 200 policiais trabalham na operação para tentar prender o assassino em série.

Fonte: Jornal o Correio

Postar um comentário

0 Comentários