Quem começou a receber Bolsa Família este ano não recebe Auxílio Emergencial


De acordo com as informações do próprio Ministério da Cidadania, as pessoas que entraram para o Bolsa Família este ano não recebem o Auxílio.

Todo mundo já sabe que os beneficiários do Bolsa Família recebem automaticamente o novo Auxílio Emergencial. Mas essa não é uma regra que vale para todo mundo. De acordo com o Ministério da Cidadania, há alguns pontos para ficar de olho.

Quem começou a receber o Bolsa Família este ano, não vai entrar para o Auxílio Emergencial. Isso porque o Governo Federal usou os dados do programa em dezembro de 2020. Então quem não recebia o programa naquele mês, não migra automaticamente agora.

De todo modo, essa pessoa não vai deixar de receber o próprio Bolsa Família neste meio tempo. E considerando o valor que o Governo Federal quer pagar nesse auxílio, talvez nem seja um mal negócio para essas pessoas.

De acordo com as informações do Ministério da Cidadania, o valor médio dos pagamentos do Bolsa Família hoje está na casa dos R$ 190. O Auxílio Emergencial vai pagar quatro parcelas de valores que irão variar entre R$ 150 e R$ 375.

Dessa forma, dá para dizer que em alguns casos pode ser até que o valor do Bolsa Família seja maior que o do Auxílio Emergencial. Mas seja menor ou maior, quem começou a receber o programa este ano não vai migrar para o novo Auxílio.

Bolsa Família e Auxílio

Mas mesmo as pessoas que estavam inscritas no programa em dezembro do ano passado podem ficar de fora do Auxílio. É que o Governo vai usar a lógica do programa que paga mais. Se a pessoa recebe um Bolsa Família maior que o Auxílio, ela vai seguir recebendo o primeiro programa.

Da mesma forma, se essa pessoa recebe um Bolsa Família menor do que o Auxílio, então ela vai migrar para o Auxílio automaticamente. Não vai precisar portanto fazer nenhum tipo de inscrição. Também não é preciso ir em qualquer agência para realizar essas ações.

Fonte: Brasil 123

Comentários

Postagens mais visitadas